Dólar cede ante real com fluxo e após PEC do teto de gastos passar no Senado

terça-feira, 13 de dezembro de 2016 14:12 BRST
 

Por Claudia Violante

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar recuava ante o real nesta terça-feira, dando continuidade ao movimento dos últimos seis pregões, com algum fluxo de entrada e após o Senado aprovar a PEC do teto dos gastos.

Os investidores ainda aguardavam o desfecho do encontro de política monetária do Federal Reserve, banco central norte-americano, na quarta-feira.

Às 14:10, o dólar recuava 0,42 por cento, a 3,3314 reais na venda, depois de acumular queda de 3,66 por cento nos seis pregões anteriores e ir abaixo de 3,35 reais. O dólar futuro tinha queda de 0,28 por cento.

A moeda bateu a mínima da sessão, a 3,3175 reais, pouco antes da votação. Na máxima, logo após a abertura, marcou 3,3658 reais.

"O dólar caía com uma expectativa de sucesso na votação da PEC, que foi o que aconteceu. Agora, acho natural haver alguma cautela diante da espera pelo encontro do Fed amanhã. Não seria estranho se a moeda até mesmo voltasse a subir", disse o diretor da mesa de câmbio da corretora Multi-Money, Durval Correa.

O plenário do Senado aprovou no início desta tarde a PEC do teto dos gastos em segundo turno, por 53 votos favoráveis a 16 contrários. Na votação em 1º turno, foram 61 votos a favor e 14 contra.

No início da sessão, o dólar chegou a trabalhar em alta na expectativa pela votação e acompanhando a valorização da moeda no mercado externo.

"O dólar subiu na abertura de olho no exterior e com algumas compras de importadores. Aí começou a ter algum fluxo de entrada", explicou o superintendente da Correparti Corretora, Ricardo Gomes da Silva.   Continuação...