Produção de trigo da UE deverá subir 7% na próxima safra, diz Strategie Grains

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016 15:41 BRST
 

PARIS (Reuters) - A produção de trigo da União Europeia deverá crescer 7 por cento em 2017 após más condições climáticas afetarem as lavouras deste ano, enquanto as safras de milho e cevada vão crescer ligeiramente, avaliou a consultoria Strategie Grains nesta quinta-feira.

Suas primeiras previsões para as lavouras do próximo ano estimaram a produção de trigo da UE em 2017 em 145 milhões de toneladas, ante 135,9 milhões de toneladas em 2016. O aumento na produção se deve inteiramente a aumentos na produtividade, com a área semeada estimada em uma estabilidade.

A França, principal produtora da UE, cujas lavouras foram prejudicadas por fortes chuvas de primavera neste ano, deverá registrar a maior alta na próxima safra.

Uma produção mais alta também é esperada na Alemanha e Polônia, segundo e terceiro maiores produtores, respectivamente, bem como em países nórdicos e bálticos.

Enquanto isso, a produção deverá cair na Áustria, na República Tcheca, Slováquia, Hungria, Romênia, Bulgária, Espanha e Itália, disse a Stategie Grains.

Para o milho, que também é semeado exclusivamente na primeira no Hemisfério Norte, a consultoria estimou a safra em 60,9 milhões de toneladas, 2 por cento acima de 2016, devido a um aumento percentual similar em sua estimativa de produtividade.

(Por Sybille de La Hamaide)