16 de Dezembro de 2016 / às 15:56 / em 9 meses

China promete conter bolhas de ativos e evitar risco financeiro em 2017

PEQUIM (Reuters) - A China vai conter o crescimento das bolhas de ativos em 2017 e dar maior importância à prevenção do risco financeiro, mantendo a economia em uma trajetória de crescimento constante e saudável, disseram os líderes presentes em reunião de planejamento econômico segundo a mídia.

A China tem visto o crescimento se estabilizar neste ano, mas a alavancagem corporativa e o crédito continuam a se expandir, elevando os riscos para a segunda maior economia do mundo, que busca impulsionar as reformas estruturais.

Participam da reunião anual os principais líderes chineses e ela é acompanhada de perto pelos investidores, que buscam pistas sobre as prioridades e as principais metas econômicas para o ano seguinte.

A política monetária será mantida “prudente e neutra” em 2017, disseram que líderes que participaram da Conferência Central de Trabalho Econômico em um comunicado, conforme informado pela agência de notícias oficial Xinhua nesta sexta-feira.

“A política monetária será mantida prudente e neutra, vai se adaptar às novas mudanças na oferta monetária... e se esforçará para suavizar os canais de transmissão da política monetária e melhorar o mecanismo para ajudar a manter a liquidez basicamente estável”, disseram os líderes.

O banco central da China tem mantido uma política monetária prudente desde 2011, aumentando ou cortando as taxas de juros em linha com as mudanças na economia. A política fiscal proativa está em vigor desde o ápice da crise global.

O mercado imobiliário será um foco do controle de risco, já que as autoridades irão conter as bolhas imobiliárias e impedir a volatilidade de preços, completaram.

Outra prioridade em 2017 será reduzir a proporção de alavancagem corporativa, com o país buscando controlar a dívida que subiu para 250 por cento do Produto Interno Bruto.

A China ainda vai manter o iuan basicamente estável enquanto fortalece a flexibilidade da moeda, e irá garantir que a liquidez do mercado fique basicamente estável, apontou o comunicado.

Os líderes prometeram avançar com a reforma do lado da oferta, expandir a demanda agregada e adotar uma postura fiscal mais proativa, enquanto dão continuidade aos esforços de redução da capacidade de carvão e aço.

Reportagem de Kevin Yao e Yawen Chen

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below