Demanda e oferta de voos domésticos recuam em novembro, diz Abear

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016 12:25 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A demanda por voos domésticos caiu 1,52 por cento em novembro ante o mesmo mês de 2015, registrando o 16º mês consecutivo de retração, informou nesta quinta-feira a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear).

A oferta de assentos nos aviões recuou 5,07 por cento na mesma base de comparação. Já a taxa de ocupação em voos domésticos atingiu 80,33 por cento, superando a de 79,33 por cento apurada em outubro, e mostrando alta de 2,91 pontos percentuais sobre a marca registrada em novembro de 2015, de acordo com a associação.

O fluxo total de passageiros encolheu 3,3 por cento em novembro sobre um ano atrás, para 7,1 milhões de viagens, segundo a Abear.

Entre as companhias, a Gol seguiu como líder no segmento de voos internos, com participação de 36,10 por cento em novembro. Latam apareceu na sequência, com 34,34 por cento, enquanto Azul atendeu a 17,19 por cento do mercado e a Avianca respondeu por 12,37 por cento.

De janeiro a novembro, a demanda doméstica acumulou baixa de 5,79 por cento, enquanto a taxa de ocupação ficou em 80,01 por cento.

EXTERIOR

Em viagens internacionais, as empresas brasileiras desfrutaram do melhor resultado para a demanda desde dezembro de 2015, conforme a associação.

A demanda por voos para o exterior cresceu 8,56 por cento em novembro sobre um ano antes, enquanto a oferta aumentou 0,66 por cento.   Continuação...