29 de Dezembro de 2016 / às 19:26 / 9 meses atrás

Brasil fecha 116,7 mil vagas formais de trabalho em novembro, pior que o esperado

Desempregados fazem fila em frente à casa de caridade no centro de São Paulo, Brasil 08/03/2016 REUTERS/Paulo Whitaker

BRASÍLIA (Reuters) - O Brasil fechou 116.747 vagas formais de emprego em novembro, pior que o esperado, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgado pelo Ministério do Trabalho nesta quinta-feira.

Em pesquisa da Reuters, a expectativa era de que 62 mil empregos seriam encerrados no último mês, segundo mediana das projeções.

Em novembro de 2015, o Brasil fechou 130.629 postos.

No mês passado, as demissões superaram a criação de vagas principalmente na indústria de transformação (51.859 postos) e na construção civil (50.891 postos).

Apesar do resultado negativo, o comércio foi destaque entre os setores de atividade econômica, registrando a abertura de 58.961 vagas.

No acumulado dos onze primeiros meses do ano, houve o fechamento líquido de 858.333 postos na série com ajuste -- performance melhor do que a registrada no ano passado, que registrou 945 mil postos. Nos doze meses encerrados em novembro, foram 1,472 milhão de postos perdidos, também na série com ajustes.

Segundo dados mais recentes divulgados pelo IBGE, a taxa de desemprego no Brasil subiu a 11,9 por cento no trimestre até novembro, com quase 12,1 milhões de pessoas sem emprego no país.

Por César Raizer

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below