Atividade empresarial da zona do euro tem ritmo mais forte em mais de 5 anos em dezembro, diz PMI

quarta-feira, 4 de janeiro de 2017 07:32 BRST
 

LONDRES (Reuters) - A atividade empresarial na zona do euro encerrou 2016 no ritmo mais rápido em cinco anos e meio, mostrou nesta quarta-feira a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês), uma vez que a moeda mais fraca impulsionou a demanda em dezembro.

O índice PMI Composto final do IHS Markit para a zona do euro subiu a 54,4 em dezembro ante 53,9 em novembro, contra medição preliminar de 53,9 e no nível mais alto desde maio de 2011.

O índice permanece desde meados de 2013 acima da marca de 50 que divide crescimento de contração.

"As indústrias e, em menor grau, o setor de serviços estão se beneficiando do euro mais fraco, que está impulsionando as exportações de bens e encorajando a demanda por serviços como turismo", disse o economista-chefe do IHS Markit Chris Williamson.

Williamson disse que os dados indicam um crescimento econômico no quarto trimestre de 0,4 por cento, em linha com a expectativa em pesquisa da Reuters no mês passado.

O PMI para o dominante setor de serviços caiu para 53,7 de 53,8 em novembro, mas ficou bem acima da preliminar de 53,1. As indústrias tiveram em dezembro o melhor mês em mais de cinco anos, segundo pesquisa divulgada na segunda-feira.

(Reportagem de Jonathan Cable)