12 de Janeiro de 2017 / às 12:14 / em 9 meses

Produção industrial da zona do euro cresce mais do que o esperado em novembro

BRUXELAS (Reuters) - A produção industrial da zona do euro aumentou muito mais do que o esperado em novembro uma vez que as empresas elevaram acentuadamente a produção de bens de consumo não duráveis, como vestuário ou gêneros alimentícios, um sinal de melhor crescimento no último trimestre de 2016.

A agência de estatística da União Europeia, Eurostat, disse nesta quinta-feira que a produção industrial no bloco cresceu 1,5 por cento em novembro e 3,2 por cento em relação ao ano anterior.

Ambos os números foram muito superiores às expectativas do mercado. Pesquisa da Reuters com economistas apontava aumento mensal de 0,5 por cento e alta de 1,6 por cento em relação ao ano anterior.

A Eurostat também revisou para cima suas estimativas anteriores para outubro, apontando alta de 0,1 por cento no mês, em vez de queda de 0,1 por cento previamente estimado, e apontou uma alta de 0,8 por cento em relação ao ano anterior, ante 0,6 por cento inicialmente.

O aumento mensal da produção em novembro deveu-se principalmente a uma alta de 2,9 por cento na produção de bens de consumo não duráveis, em sinal de melhores expectativas das empresas para o consumo antes das compras de Natal.

Por Francesco Guarascio

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below