Índice pan-europeu de ações fecha estável após discurso de premiê britânica sobre saída da UE

terça-feira, 17 de janeiro de 2017 16:27 BRST
 

Por Danilo Masoni

LONDRES (Reuters) - As ações europeias encerraram estáveis nesta terça-feira, saindo de patamares mínimos, depois que a primeira-ministra britânica, Theresa May, forneceu alguma clareza sobre os planos do Reino Unido para deixar a União Europeia.

O índice pan-europeu STOXX recuou 0,1 por cento, após recuar 0,7 por cento um pouco antes de May começar a falar. O índice britânico FTSE 100 perdeu 1,5 por cento, a maior queda em um dia desde junho de 2016, enquanto a libra esterlina subiu durante do discurso de May.

Em um discurso muito aguardado, May disse que o Reino Unido deixará o mercado único da União Europeia, mas prometeu uma votação no Parlamento sobre qualquer acordo e enfatizou que o país buscará permanecer como um parceiro europeu.

O índice bancário da Europa terminou com poucas mudanças após uma sessão volátil, na qual o índice setorial osciliou entre as maiores perdas e os maiores ganhos da Europa.

Os bancos europeus e ações consideradas cíclicas avançaram recentemente, ajudados pela esperança do estímulo fiscal e da redução na regulamentação durante a presidência de Donald Trump nos Estados Unidos.

O índice FTSEurofirst 300 fechou em queda de 0,27 por cento, a 1.430 pontos.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 1,46 por cento, a 7.220 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,13 por cento, a 11.540 pontos.   Continuação...