Consórcio da Odebrecht para gasoduto no Peru alerta sobre cancelamento de contrato

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017 13:57 BRST
 

LIMA (Reuters) - O consórcio Gasoduto Sur Peruano, em que a Odebrecht detém participação de 55 por cento, emitiu um alerta nesta sexta-feira que diante a iminente impossibilidade de conseguir financiamento na segunda-feira é possível que o contrato de concessão bilionário seja cancelado.

A espanhola Enagás detém 25 por cento do consórcio e a peruana Graña y Montero os 20 por cento restantes.

(Por Marco Aquino)