Bovespa sobe 1,9% e fecha no nível mais alto em quase cinco anos com bancos e Vale

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017 18:49 BRST
 

Por Gabriela Mello

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa encerrou em alta de quase 2 por cento nesta segunda-feira, no maior nível de fechamento em quase cinco anos, impulsionado pelo firme desempenho de papéis de grandes bancos, mineração e siderurgia.

O Ibovespa encerrou com ganho de 1,9 por cento, a 65.748 pontos, no patamar mais elevado desde 27 de março de 2012. Na máxima da sessão, o índice subiu 2 por cento e tocou 65.815 pontos. O giro financeiro somou 7 bilhões de reais.

O indicador terminou no azul em 10 dos 16 pregões até agora em 2017, acumulando valorização de 9,2 por cento desde o começo do ano.

O bom humor entre os investidores na bolsa brasileira nesta segunda-feira contrariou o menor apetite a risco tanto nas bolsas da Europa e Estados Unidos, assim como a fraqueza dos preços do petróleo no mercado internacional.

O analista Luis Gustavo Pereira, da Guide Investimentos, afirmou que as atenções no mercado acionário brasileiro devem se dividir entre as primeiras ações de Donald Trump como presidente dos Estados Unidos e os números da nova temporada de balanços de empresas brasileiras.

Os desdobramentos no cenário político também devem ganhar maior relevância nos próximos dias, com o fim do recesso parlamentar, acrescentou o analista Vitor Suzaki, da Lerosa Investimentos.

DESTAQUES   Continuação...