7 de Fevereiro de 2017 / às 20:28 / em 7 meses

Bolsas na Europa sobem com resultados fortes, mas incerteza política afeta índice francês

MILÃO/LONDRES (Reuters) - As ações europeias subiram nesta terça-feira, ajudadas por bons resultados de empresa, mas as ações francesas caíram após o resultado decepcionante do BNP Paribas e o nervosismo causado pela eleição pressionarem os títulos soberanos do país.

O índice pan-europeu STOXX 600 subiu 0,3 por cento, recuperando parte das perdas na sessão anterior, enquanto o índice francês CAC caiu 0,5 por cento, aumentando as perdas neste ano para mais de 2 por cento.

Os bancos franceses, que tiveram os melhores desempenhos do setor financeiro europeu em 2016, caíram depois que o BNP apresentou resultados piores do que o previsto, enquanto os rendimentos dos títulos do país aumentaram com preocupações de que a extrema direita pode ganhar a disputa presidencial e retirar o país da União Europeia.

"A incerteza política é um peso para o setor financeiro da França. Um pouco de barulho eleitoral defendendo a saída da União Europeia está deixando os investidores nervosos" , disse o analista da Unicredit Christian Stocker. "As ações do setor financeiro tiveram um bom desempenho nos últimos dois ou três meses e provavelmente estamos vendo agora um pouco de realização de lucro."

O lucro líquido do quarto trimestre do BNP Paribas subiu para 1,44 bilhão de euros, mais do que dobro do lucro registrado no mesmo período do ano passado, embora o resultado tenha sido abaixo da estimativa média de 1,5 bilhão de euros em uma pesquisa feita com analistas. As ações caíram 4,8 por cento, fazendo o banco ter a maior queda no CAC.

De acordo com o Deutsche Bank, a temporada de balanços do quarto trimestre apresentou resultados sólidos na Europa até agora, com os setores financeiros e industriais dando a principal contribuição para o crescimento geral de 8,3 por cento no lucro por ação em relação ao ano anterior.

O índice FTSEurofirst 300 fechou em alta de 0,29 por cento, a 1.431 pontos.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,20 por cento, a 7.186 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,34 por cento, a 11.549 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,49 por cento, a 4.754 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,17 por cento, a 18.662 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,28 por cento, a 9.331 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,74 por cento, a 4.563 pontos.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below