Dólar cai e vai à casa de R$3,07 com cena política favorável

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017 13:08 BRST
 

Por Claudia Violante

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar operava em queda nesta quarta-feira, indo ao patamar de 3,07 reais, com o investidor mais aliviado diante da cena política brasileira e expectativas de ingresso de recursos externos.

O Banco Central continuava atuando no mercado também, ao vender a oferta integral de swap cambial tradicional, equivalente à venda futura de moeda, para rolagem dos vencimentos de março.

Às 12:25, o dólar recuava 0,53 por cento, a 3,0797 reais na venda, depois de ter fechado na véspera abaixo de 3,10 reais pela primeira vez em mais de um ano e meio.

Na mínima do dia, a moeda norte-americana já havia ido a 3,0758 reais, menor patamar intradia desde 24 de junho de 2015 (3,0617 reais)

O dólar futuro tinha queda de cerca de 0,25 por cento.

"A expectativa de avanço em reformas estruturais, principalmente a da Previdência,... dava suporte para o otimismo", resumiu a Advanced Corretora em relatório a clientes.

Após o fechamento do pregão passado, o ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu manter Moreira Franco como ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, devolvendo a prerrogativa de foro ao peemedebista, que já foi citado em delações na operação Lava Jato.

A decisão foi vista pelo mercado como demonstração de força do governo do presidente Michel Temer e que pode facilitar a aprovação de importantes reformas, como a da Previdência, tida como essencial para colocar as contas públicas do país em ordem.   Continuação...

 
Notas de dólar e real em casa de câmbio no Rio de Janeiro. 10/09/2015  REUTERS/Ricardo Moraes