Lucro da PepsiCo supera estimativas com demanda por lanches e bebidas saudáveis

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017 14:02 BRST
 

(Reuters) - A PepsiCo reportou lucro trimestral melhor que o esperado, após a empresa se beneficiar de seus programas de cortes de custos e da maior demanda por suas bebidas e lanches mais saudáveis ​​na América do Norte.

A PepsiCo e outras empresas de alimentos processados estão investindo intensamente para desenvolver produtos que atendam aos gostos mais variados dos consumidores, que estão cada vez mais buscando opções mais saudáveis.

A empresa informou que agora obtém cerca de 45 por cento de sua receita líquida de produtos "sem culpa" -bebidas que têm menos de 70 calorias por 12 onças (cerca de 340 gramas) e lanches com menores quantidades de sal e gordura saturada.

A receita líquida da unidade de bebidas da América do Norte, maior negócio da empresa, subiu 8 por cento no quarto trimestre. O volume de vendas da unidade aumentou 1 por cento.

A empresa também se beneficiou de menores custos de matéria-prima e ganhos de produtividade com planos de corte de custos, que incluem fechamento de fábricas, simplificação de estruturas de organização e gestão e investimento em automação industrial.

No entanto, o lucro líquido atribuível à PepsiCo caiu para 1,4 bilhão de dólares, 0,97 dólar por ação, no trimestre, ante 1,72 bilhão de dólares, ou 1,17 dólar por ação, um ano antes.

A queda no lucro líquido ocorreu devido a acordos ligados a pensões e um custo de resgate de dívida e um benefício fiscal no mesmo período do ano anterior, informou a empresa.

Excluindo itens, a empresa lucrou 1,20 dólar por ação.

A receita líquida da empresa subiu 5 por cento, para 19,52 bilhões de dólares.   Continuação...