Vale produz recorde de minério de ferro em 2016 com maior operação no Norte

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017 09:44 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A mineradora Vale produziu um recorde de 348,8 milhões de toneladas de minério de ferro em 2016, alta de 0,9 por cento ante o ano anterior, devido à melhor performance operacional das minas e plantas no norte do país, que mais do que compensaram a redução de produção em outras regiões, informou a companhia nesta quinta-feira.

No quarto trimestre, a maior produtora global de minério de ferro teve produção de 92,39 milhões de toneladas, alta de 4,5 por cento ante o mesmo período do ano anterior.

A produção na região de Carajás, no Pará (sistema Norte), atingiu recorde de 148,1 milhões de toneladas em 2016, aumento de 14,3 por cento em relação a 2015, principalmente devido a melhoras na performance operacional e ao início das operações do projeto S11D, o maior da história da companhia, no quarto trimestre.

Por outro lado, a Vale paralisou ou reduziu operações em minas de margem menor, como a mina de Gongo Soco no sistema Sudeste, as minas de Urucum e Corumbá, no sistema Centro-Oeste, e as plantas de processamento de Jangada e Feijão, no sistema Sul.

A previsão da Vale era produzir entre 340 milhões e 350 milhões de toneladas de minério de ferro em 2016.

Segundo comunicado nesta quinta-feira, a empresa mantém a previsão de produzir entre 360 milhões e 380 milhões de toneladas em 2017.

Segundo apresentação recente da companhia, a produção de minério deverá subir também em 2018 e 2019, estacionando na faixa de 400 milhões a 450 milhões de toneladas anuais em 2020 e 2021.

(Por Gustavo Bonato e Marta Nogueira)

 
Logo da mineradora Vale na sede da empresa no centro do Rio de Janeiro
20/08/2014
REUTERS/Pilar Olivares/File Photo