EUA dizem que vergalhão da Turquia é subsidiado, definem tarifa preliminar

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017 18:40 BRT
 

WASHINGTON (Reuters) - O Departamento de Comércio dos Estados Unidos anunciou nesta quarta-feira que as importações de barras de aço para reforço de concreto de um produtor na Turquia estavam sendo subsidiadas e estabeleceu tarifa preliminar sobre os produtos de 3,47 por cento.

A decisão preliminar veio em resposta a uma queixa da Associação de Ação de Comércio do Vergalhão e de seus membros: Bayou Steel Group, Byer Steel Group, Commercial Metals (CMC.N: Cotações), Gerdau Ameristeel U.S. (GGBR4.SA: Cotações), Nucor Corp (NUE.N: Cotações) e Steel Dynamics Inc (STLD.O: Cotações).

O direito de compensação preliminar aplica-se a companhia de propriedade privada Habas Sinai ve Tibbi Gazlar Istihsal Endustrisi, disse o departamento em um comunicado. As importações de vergalhão da Turquia valiam cerca de 674,40 milhões de dólares em 2015, disse.

Uma determinação final do Departamento de Comércio é esperada em ou perto de 16 de maio de 2017, acrescentou.

(Reportagem de Eric Walsh)