Cemig tem aval para operar hidrelétrica até licitação por R$30,35 mi anuais

sexta-feira, 3 de março de 2017 10:35 BRT
 

(Reuters) - A estatal mineira de energia Cemig foi designada pelo Ministério de Minas e Energia para operar a hidrelétrica Volta Grande até que seja realizada uma licitação para a definição de um novo responsável pela usina, segundo portaria no Diário Oficial da União desta sexta-feira.

O ministério definiu que a elétrica receberá um valor de 30,355 milhões de reais anuais a título de reembolso pelo custo de gestão dos ativos (GAG) enquanto operar a usina.

O contrato de concessão da hidrelétrica Volta Grande, empreendimento de 380 megawatts que começou a operar em 1974, vence em 2017, e o governo federal já anunciou que pretende relicitar a usina para arrecadar recursos com a cobrança de um bônus de outorga junto ao vencedor do leilão.

O ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, disse que o governo espera obter cerca de 11 bilhões de reais com a licitação de Volta Grande e outras duas usinas da Cemig em 2017.

A Cemig, por outro lado, tem tentado negociar com o governo uma saída para continuar com Volta Grande e as outras usinas cujos contratos de concessão venceram, como as de São Simão, Miranda e Jaguara.

Acesse a íntegra da portaria do ministério no Diário Oficial em: here

(Por Luciano Costa)