Governo de São Paulo concede 5 aeroportos estaduais, com ágio de 101%

quinta-feira, 16 de março de 2017 18:26 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - Formado por seis empresas, o consórcio Voa São Paulo foi o vencedor do leilão de concessão de cinco aeroportos estaduais, realizado nesta quinta-feira pela Agência de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp).

Segundo a agência, o grupo vencedor ofereceu 24,439 milhões de reais pela concessão dos aeroportos de Itanhaém, Ubatuba, Campinas, Bragança Paulista e Jundiaí, que operam principalmente com aviação executiva.

O valor representa um ágio de 101 por cento ante o preço mínimo de 12,159 milhões de reais estabelecido pela Artesp.

Segundo a Artesp, o consórcio Voa São Paulo é formado por empresas que atuam nas áreas de engenharia, transporte, petróleo, energia e aeroportos (MPE Engenharia), pavimentação e limpeza pública (Terracom Construções), imobiliária (Nova Ubatuba Empreendimentos e ALC Participações), obras de infraestrutura rodoviária (Estrutural Concessões de Rodovias) e construções aeroportuárias (EPC Construções).

O leilão paulista ocorreu no mesmo dia em que o governo federal concedeu a operadores estrangeiros os aeroportos de Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC), Salvador (BA) e Fortaleza (CE).

(Reportagem de Leonardo Goy)