Governo vai contingenciar até R$35 bi do Orçamento e elevar tributos, diz Jucá

terça-feira, 21 de março de 2017 17:55 BRT
 

Por Lisandra Paraguassu, Maria Carolina Marcello e Anthony Boadle

(Texto atualizado com mais informações e declarações)

BRASÍLIA, 21 Mar (Reuters) - O governo vai contingenciar entre 30 e 35 bilhões de reais do Orçamento da União de 2017 para tentar evitar o estouro da meta deste ano, um déficit primário de 139 bilhões de reais, disse à Reuters nesta terça-feira o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR).

O valor, que deve ser anunciado na quarta-feira, último dia para publicação do relatório bimestral de receitas e despesas da União, não cobre o total que o governo calcula para o estouro da meta --65 bilhões de reais-- mas a avaliação é que o congelamento de recursos do Orçamento tem um limite.

"Trinta a 35 bilhões de reais é o máximo que se pode chegar (de contingenciamento). Além disso já é amputação”, disse Jucá.

Para compensar o restante, o governo conta com a entrada de recursos vindos do programa de concessões --na semana passada, ocorreram os primeiros leilões deste ano, dos aeroportos de Porto Alegre, Salvador, Florianópolis e Fortaleza--, mas também terá que reajustar tributos, admitiu o senador.

"Só pode aumentar contribuições que não precisam passar por projeto de lei. Ainda assim, são 90 dias para entrar em vigor", lembrou Jucá.   Continuação...

 
Líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR)
12/05/2016
REUTERS/Ueslei Marcelino