Bovespa tem leve baixa após 6 pregões de alta; BRF é destaque negativo

quinta-feira, 30 de março de 2017 11:57 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista mostrava fraqueza nesta quinta-feira, após oscilar entre leves altas e baixas na primeira hora do pregão, enfrentando dificuldades para manter o tom positivo após seis pregões no azul e tendo as ações da BRF BRFS3.SA entre os destaques negativos.

Às 11:53, o Ibovespa .BVSP caía 0,2 por cento, a 65.398 pontos. Nos seis pregões anteriores, o índice acumulou alta de 4 por cento. O giro financeiro era de 1,45 bilhão de reais.

No cenário político, o mercado digeria o anúncio do governo na noite passada de medidas para cumprir a meta fiscal deste ano, que incluíram o corte de 42,1 bilhões de reais em gastos discricionários e o fim da desoneração da folha de pagamentos para cerca de 50 setores. Além disso, o governo equiparou a incidência do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) para cooperativas de crédito à alíquota cobrada dos bancos. [nL2N1H62BP]

"O (ponto) negativo é o fato de que empresas antes beneficiadas com a desoneração passam a ter que pagar mais impostos, podendo prejudicar a recuperação econômica em ambiente já difícil", escreveram analistas da corretora Lerosa Investimentos em nota a clientes.

Ainda no front local, o Relatório Trimestral de Inflação, divulgado nesta manhã, mostrou que o Banco Central passou a ver inflação mais baixa em 2017 e também deixou claro que vai fazer uma "intensificação moderada" no ritmo de corte dos juros básicos. [nL2N1H70CI]

DESTAQUES

- VALE PNA (VALE5.SA: Cotações) caía 0,10 por cento e VALE ON VALE3.SA perdia 0,66 por cento, em sessão de baixa nos preços de minério de ferro na China. As ações da mineradora subiram nos três pregões anteriores, com o papel PNA acumulando ganho de 5,4 por cento no período.

  Continuação...