April 3, 2017 / 9:12 PM / 4 months ago

Índices norte-americanos recuam por vendas fracas de automóveis e dúvidas sobre agenda de Trump

2 Min, DE LEITURA

NOVA YORK (Reuters) - Os índices acionários dos Estados Unidos fecharam ligeiramente mais baixos nesta segunda-feira, à medida que as vendas de automóveis em março decepcionaram e investidores questionaram se o governo Trump cumpriria sua promessa de estímulo econômico pró-negócios.

O Dow Jones caiu 0,06 por cento, a 20.651 pontos, enquanto o S&P 500 perdeu 0,16 por cento, a 2.358 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuou 0,29 por cento, a 5.894 pontos.

As ações haviam subido para máximas recordes, sustentadas por promessas de Trump de que iria cortar impostos, afrouxar regulações e investir fortemente em infraestrutura, e investidores esperavam que suas políticas impulsionariam a economia.

A General Motors pressionou o S&P 500 após números de produção de automóveis em março ficarem abaixo das expectativas de mercado, um sinal precoce de que o longo boom de vendas de carros nos Estados Unidos pode estar perdendo força.

"As decepcionantes vendas de automóveis são algo que as pessoas estão observando e isso é uma notícia importante", disse Michael O'Rourke, estrategista de mercado da Jones Trading em Greenwich, Connecticut.

Os principais índices diminuíram perdas. Eles haviam caído acentuadamente pela manhã após alguns Estados dos EUA acusarem o governo do presidente Donald Trump de atrasar ilegalmente a implementação de padrões de eficiência energética.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below