Ralph Lauren corta empregos e fecha loja da Polo na Quinta Avenida

terça-feira, 4 de abril de 2017 16:37 BRT
 

(Reuters) - A Ralph Lauren disse nesta terça-feira que irá cortar empregos e fechar sua principal loja da marca Polo na Quinta Avenida, em Nova York, entre outros escritórios e lojas, como parte de um plano para redução de custos.

A varejista de luxo também disse que sua divisão de comércio eletrônico será transferida para a Salesforce.com, uma plataforma de comércio em nuvem mais barata e eficiente.

A Ralph Lauren disse que espera economizar cerca de 370 milhões de dólares em encargos e poupar algo em torno de 140 milhões de dólares com as novas medidas que fazem parte do plano de contenção de custos anunciado em junho.

A empresa não especificou o número de empregos que serão cortados. Em junho, a empresa anunciou que cortaria cerca de 1.000 vagas e fecharia cinquenta lojas para diminuir custos e retomar o crescimento de vendas.

A Ralph Lauren, assim como outras marcas de luxo, vem sofrendo conforme os norte-americanos gastam menos em vestuário e acessórios, resultando em queda de vendas nos últimos sete trimestres.

A empresa está enfrentando a concorrência com lojas como a H&M e a Zara, que pertence à Inditex Zara.

As ações da Ralph Lauren recuavam 4,8 por cento, a 77,43 dólares nesta tarde em Nova York.

(Por Gayathree Ganesan em Bangalore)