Vale reduz previsão de investimento anual entre 2018 e 2021

quarta-feira, 5 de abril de 2017 11:24 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A mineradora Vale informou nesta quarta-feira uma redução no capex previsto entre 2018 e 2021, à medida que a conclusão de vários projetos, entre os quais o mega empreendimento de minério de ferro S11D, leva os investimentos da companhia para o patamar de seus competidores.

Em apresentação em evento do Bradesco BBI em São Paulo, a Vale disse manter a projeção de investir 4,5 bilhões de dólares em 2017, ante 5,5 bilhões de dólares em 2016, mas reduziu em centenas de milhões de dólares o capex projetado nos anos seguintes, desconsiderados investimentos em unidades de fertilizantes, setor em que a empresa tem desinvestido.

Para o próximo ano, a Vale agora projeta investimentos de 4 bilhões de dólares, ante 4,5 bilhões anteriormente, sendo 2,1 bilhões em manutenção, 1,1 bilhão em projetos de expansão e 900 milhões em reposição. Em relatório de fevereiro, a companhia projetava aportes de 2,5 bilhões em manutenção.

Em 2019, a Vale projeta investir agora 3,7 bilhões de dólares, ante 4 bilhões na projeção anterior.

Para 2020, a maior produtor global de minério de ferro prevê investimentos de 2,9 bilhões de dólares, ante 3,2 bilhões na projeção anterior. Em 2021 a previsão é de 2,6 bilhões de dólares, versus 2,9 bilhões anteriormente.

A companhia manteve a meta de dívida líquida em 2017 em entre 15 bilhões e 17 bilhões de dólares, que pode ser atingida "através da geração de fluxo de caixa livre em 2017, mesmo sem considerar os desinvestimentos já mapeados".

(Por Roberto Samora)