Ibovespa cede 0,27% com pressão de Vale; melhora em recomendações domina ponta positiva

terça-feira, 18 de abril de 2017 17:45 BRT
 

Por Flavia Bohone

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice do bolsa paulista teve leve baixa nesta terça-feira, puxado por Vale diante de novas baixas no preço do minério de ferro na China, enquanto a ponta positiva do índice foi guiada por melhoras em recomendações de ações.

O Ibovespa caiu 0,27 por cento, a 64.158 pontos. O volume financeiro do pregão foi de 7,4 bilhões de reais.

Com o mercado monitorando notícias da reforma da Previdência, as ações mostraram fraqueza na maior parte do dia. A leitura do relatório final da proposta de reforma foi adiada para quarta-feira, embora o presidente da comissão especial da Previdência, deputado Carlos Marun, tenha dito que a aprovação da matéria não seria prejudicada pelo atraso.

O texto acertado nesta terça prevê redução em idade mínima para aposentadoria de mulheres e trabalhadores diferenciados e menos tempo de contribuição para receber a aposentadoria integral a que cada um tem direito.

A ata da última reunião do Banco Central ajudou a aliviar as pressões. Segundo o documento, o BC avaliou que a conjuntura econômica já permitia corte maior na Selic, mas optou pelo corte de 1 ponto percentual em função do cenário de incertezas e riscos.

Já o exterior acirrou o tom negativo, com Wall Street fechando em baixa sob pressão de perdas em ações do Goldman Sachs e da Johnson & Johnson, após resultados trimestrais.

DESTAQUES   Continuação...