Mercados acionários chineses avançam e encerram sequência de 4 dias de quedas

quinta-feira, 20 de abril de 2017 07:48 BRT
 

XANGAI/HONG KONG (Reuters) - Os mercados acionários da China interromperam nesta quinta-feira quatro dias de perdas, com os investidores continuando a buscar cobertura em ações defensivas como os setores de consumo e saúde, enquanto fogem de pequenas empresas e de papéis relacionados à nova zona econômica de Xiongan.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,47 por cento, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,06 por cento.

A Zhangtai Securities alertou em seu último relatório de estratégia que os mercados permanecerão voláteis em meio a um ambiente regulatório e de política monetária cada vez mais apertado.

Os mercados acionários chineses também foram pressionados pela preocupação de que o crescimento econômico e de lucros corporativos logo começará a diminuir após um forte início do ano. Mas os investidores tiveram algum consolo na promessa de Pequim na quarta-feira de aumentar o apoio às políticas se houver um salto na taxa de desemprego.

No restante da região, a maioria das bolsas terminou com ganhos diante da estabilização dos preços das commodities, especialmente do petróleo, provocando alguma caça a barganhas por investidores.

O índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, tinha alta de 0,54 por cento às 7:46 (horário de Brasília), depois de recuar 0,5 por cento na sessão.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,01 por cento, a 18.430 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,97 por cento, a 24.056 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,06 por cento, a 3.172 pontos.   Continuação...