Bovespa fecha em alta de 0,56% com ganhos da Vale e algum alívio com cena política

quinta-feira, 20 de abril de 2017 18:02 BRT
 

Por Flavia Bohone

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista fechou em alta nesta quinta-feira, com as ações da Vale exercendo a principal influência positiva e com algum alívio com a cena política após a aprovação do regime de urgência para proposta de reforma trabalhista.

O Ibovespa subiu 0,56 por cento, a 63.760 pontos. Na semana mais curta pelo feriado de Tiradentes na sexta-feira, o índice acumulou alta de 1,49 por cento. No melhor momento do pregão, o Ibovespa subiu mais de 1 por cento. O volume financeiro do pregão somou 6,65 bilhões de reais.

Após falhar na primeira tentativa, o governo conseguiu na noite passada dar o caráter de urgência à proposta de reforma trabalhista, permitindo que a medida seja votada na Comissão Especial na terça-feira, sem esperar o fim do prazo de apresentação de emendas, e no plenário da Câmara já na quarta-feira.

No exterior, Wall Street teve uma sessão positiva, com o Nasdaq fechando em máxima recorde, diante de uma rodada de sólidos balanços, reforçando o tom positivo no mercado acionário brasileiro.

A alta na bolsa local, no entanto, perdeu força ao longo do dia, com investidores adotando alguma cautela antes do feriado no Brasil, mas que terá as bolsas internacionais operando normalmente.

DESTAQUES

- VALE PNA avançou 5,87 por cento e VALE ON teve ganhos de 5,17 por cento, após a empresa informar produção de minério de ferro recorde para o primeiro trimestre, com alta de 11,2 por cento ante o mesmo período de 2016, a 86,2 milhões de toneladas. A sessão também foi marcada por alta nos contratos futuros do minério de ferro na China.   Continuação...