May 5, 2017 / 12:08 PM / in 3 months

Minério de ferro na China tem mínima desde janeiro com preocupações sobre demanda

2 Min, DE LEITURA

PEQUIM (Reuters) - Os contratos futuros do minério de ferro da China caíram para mínima desde janeiro nesta sexta-feira, ampliando as perdas na semana e também pressionando o aço, com os investidores liquidando posições longas por preocupações com a desaceleração da demanda dos setores de construção e infraestrutura.

A venda generalizada desta semana fez o mercado de minério de ferro, um dos maiores em derivativos de commodities da China, fechar em queda semanal de 8,2 por cento, marcando seu pior desempenho semanal desde dezembro.

"O controle da dívida excessiva do governo local e do setor bancário paralelo na China têm sido prioridade na agenda do governo central, levando a preocupações de que uma liquidez mais apertada afetará a conclusão de alguns grandes projetos de infraestrutura", afirmou a corretora de commodities Sucden em nota.

O minério de ferro na bolsa de Dalian caiu 7,5 por cento, para 461,5 iuanes por tonelada (66,89 dólares), a maior queda diária desde o final de novembro, tocando mínimas desde janeiro.

O contrato mais ativo do vergalhão de aço em Xangai recuou 2,5 por cento, para 2.931 iuanes por tonelada, acumulando queda de 4,4 por cento na semana.

Por Josephine Mason

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below