S&P 500 atinge nível recorde com alta do emprego nos EUA e das ações de energia

sexta-feira, 5 de maio de 2017 18:48 BRT
 

(Reuters) - Os principais índices acionários dos Estados Unidos avançaram nesta sexta-feira, com o S&P 500 terminando em patamar recorde de fechamento, conforme as ações do setor de energia se recuperaram acompanhando os preços do petróleo e com o crescimento do emprego nos EUA.

O índice Dow Jones subiu 0,26 por cento, a 21.006 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 0,41 por cento, a 2.399 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançou 0,42 por cento, a 6.101 pontos.

Os três índices registraram ganhos pela terceira semana seguida.

A criação de postos de trabalho fora do setor agrícola atingiu 211 mil em abril, ante 79 mil postos em março, e taxa de desemprego caiu para 4,4 por cento, perto da mínima de 10 anos.

O setor de energia teve o melhor desempenho, avançando 1,6 por cento, após ter caído fortemente no dia anterior. Os preços do petróleo se recuperaram após Arábia Saudita ter garantido que a Rússia está pronta para se unir à Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) para ampliar os cortes na oferta.

"Tem havido e provavelmente continuará a ter um pouco de medo de que talvez a economia não esteja acelerando como as pessoas pensaram que iria ou querem que ... ", disse Chuck Carlson, diretor-executivo da Horizon Investment Services em Hammond, Indiana.

O S&P 500 ganhou 12,1 por cento desde a eleição de Donald Trump em 8 de novembro, impulsionado pelos planos do republicano de redução de impostos, aumento de gastos com infraestrutura e desregulamentação. Mas a alta desacelerou conforme alguns investidores questionaram a capacidade de Trump de aprovar sua agenda.

A temporada de balanço das empresas veio em geral acima das expectativas, encorajando os investidores. Estima-se que os lucros no primeiro trimestre das empresas do S&P 500 tenham aumentado 14,7 por cento, o mais forte desde 2011, de acordo com a Thomson Reuters I/B/E/S.

(Por Lewis Krauskopf)