Índice acionário de Xangai encerra estável e preocupações com regulações persistem

terça-feira, 9 de maio de 2017 07:41 BRT
 

XANGAI/CINGAPURA (Reuters) - O índice de Xangai se recuperou das quedas na sessão e terminou praticamente estável nesta terça-feira, interrompendo a sequência de cinco dias de recuos, mas as persistentes preocupações com as regulamentações financeiras mais rígidas deteve a demanda geral.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 0,19 por cento, enquanto o índice de Xangai teve variação positiva de 0,06 por cento.

O índice de start-ups ChiNext atingiu brevemente a mínima de 27 meses antes de encerrar a sessão com alta de 0,8 por cento.

A agência de notícias oficial Xinhua publicou editoriais pelo sexto dia consecutivo que destacam a campanha de Pequim para se proteger contra os riscos financeiros.

Regulamentações financeiras mais rigorosas têm sido uma grande preocupação para os investidores, muitos dos quais temem que as medidas possam ir longe demais e prejudicar o crescimento na segunda maior economia do mundo.

A maioria das outras bolsas da região apresentou perdas, com os investidores buscando o próximo catalisador após as eleições presidenciais na França.

O mercado sul-coreano, que encerrou na máxima na segunda-feira, não operou devido às eleições presidenciais desta terça-feira.

O índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, tinha queda de 0,1 por cento às 7:40 (horário de Brasília).

  Continuação...