9 de Maio de 2017 / às 11:34 / 4 meses atrás

Governo federal vai injetar R$2,54 bi do FGTS em linha habitacional pró-cotista

Operários constroem casas no Rio de janeiro. 17/06/2016 REUTERS/Ricardo Moraes

SÃO PAULO (Reuters) - O Ministério das Cidades destinará 2,54 bilhões de reais do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) à linha de financiamento habitacional pró-cotista, sendo 60 por cento para imóveis novos, conforme instrução normativa publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira.

A instrução, que entra em vigor nesta terça-feira e dispõe sobre o orçamento operacional para área de habitação popular em 2017, ainda determina que 460 milhões de reais serão alocados à contratação de operações de crédito para compra de imóveis novos dentro do valor limite estipulado pelo conselho curador do FGTS.

Na véspera, a Caixa comunicou que o governo federal estava remanejando os recursos do FGTS para aporte de 2,54 bilhões de reais ao pró-cotista, a linha mais barata depois do Minha Casa Minha Vida (MCMV).

Por Gabriela Mello

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below