EcoRodovias espera tráfego de veículos estável por suas concessões no curto prazo

terça-feira, 9 de maio de 2017 12:22 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A EcoRodovias espera que o tráfego de veículos por suas concessões rodoviárias nos próximos meses se mantenha estável em relação ao comportamento visto no primeiro trimestre, afirmou nesta terça-feira o presidente da companhia, Marcelino Seras.

Segundo o executivo, o tráfego depende do comportamento da economia e para o curto prazo a companhia não espera mudanças significativas no volume de tráfego registrado nos três primeiros meses deste ano. No período, o volume de veículos pagantes que passaram pelos pedágios da empresa subiu 0,6 por cento sobre o primeiro trimestre de 2016.

As ações da empresa exibiam alta de 5,3 por cento às 12:20, entre as principais destaques positivos do Ibovespa, que avançava no mesmo horário 1,3 por cento.

Executivos da companhia comentaram ainda em teleconferência com analistas do setor que a EcoRodovias segue concentrada no Brasil e que a empresa vê boas oportunidades nos próximos leilões de ativos de infraestrutura no país. Porém, Seras comentou que a empresa manterá a disciplina financeira.

Em meados de março, a empresa disputou a concessão do conjunto de rodovias Centro-Oeste Paulista, mas perdeu o ativo para um fundo do Pátria. A empresa ofereceu ágio de cerca de 54 por cento enquanto o Pátria Infraestrutura III fez lance com prêmio de cerca de 131 por cento.

Já no final do mês passado, a EcoRodovias perdeu o leilão de concessão da chamada Rodovias dos Calçados, também no Estado de São Paulo, para a Arteris, que ofereceu ágio de 438 por cento, enquanto a empresa fez lance com prêmio de 222 por cento.

(Por Alberto Alerigi Jr.)