9 de Maio de 2017 / às 17:29 / 3 meses atrás

AgRural faz ligeira revisão para cima na previsão de safra de soja do Brasil

Plantação de soja na cidade de Primavera do Leste, no Estado do Mato Grosso 07/02/2013Paulo Whitaker

SÃO PAULO (Reuters) - O Brasil deverá colher um recorde de 112,3 milhões de toneladas de soja na safra 2016/17, alta de 700 mil toneladas na comparação com a previsão de abril, de acordo com dados divulgados nesta terça-feira pela AgRural, que consolidou informações de uma colheita que está virtualmente encerrada.

A consultoria já havia subido para 111,6 milhões de toneladas a projeção no início de abril. O aumento na previsão de maio deveu-se a revisões nas produtividades médias dos três Estados do Sul, além de São Paulo, Mato Grosso do Sul, Goiás, Pará e Maranhão.

A produtividade desta safra é recorde para todos os Estados do centro-sul, que fechou com média de 56,4 sacas por hectare, afirmou a AgRural.

As 55,7 sacas por hectare calculadas para o Brasil também são recordes.

Para o Norte/Nordeste, a estimativa da AgRural é de 51,3 sacas por hectare, atrás apenas das 52,9 sacas colhidas na safra 2010/11, segundo dados da consultoria.

A estimativa da AgRural para a intenção de plantio de soja na safra 2017/18 será divulgada no início de agosto, disse a consultoria.

Por Roberto Samora

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below