Juros podem ser elevados antes do fim de 2019, diz BC da Inglaterra

quinta-feira, 11 de maio de 2017 08:14 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O banco central de Inglaterra disse nesta quinta-feira que pode precisar elevar as taxas de juros antes da data esperada pelos mercados, no final de 2019, porque vê a inflação crescer e a economia se expandir firmemente durante os próximos anos.

Com apenas um mês até uma eleição nacional, o Banco da Inglaterra informou que o aperto de curto prazo sobre as famílias com a inflação desde o Brexit seria mais grave do que previsto em fevereiro, com o crescimento dos preços atingindo o pico de 2,8 por cento no final deste ano.

A economia da Grã-Bretanha ignorou as expectativas de recessão após o referendo do ano passado e registrou uma das taxas de crescimento mais rápidas entre as principais economias ricas.

Mas, como os dados oficiais tem piorado desde o início do ano, muitos economistas esperam épocas mais difíceis à frente.

O Banco da Inglaterra votou por 7 a 1 a favor de manter as taxas de juros em seu mínimo recorde de 0,25 por cento, como esperado em pesquisa da Reuters com economistas.