May 12, 2017 / 5:25 PM / 2 months ago

Fusões e entrada recorde de capital ampliam série de ganhos dos índices acionários europeus

3 Min, DE LEITURA

LONDRES/MILÃO (Reuters) - Os mercados acionários europeus encerraram a terceira semana consecutiva de alta nesta sexta-feira, impulsionados pelas atividades de fusão e aquisição entre empresas de telecomunicações e por fortes dados corporativos, com os fluxos para as ações europeias atingindo níveis recordes.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,34 por cento, a 1.555 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,31 por cento, a 396 pontos.

Os resultados corporativos na Europa têm sido surpreendentemente fortes, com 67 por cento das empresas superando as expectativas de lucro.

Combinado com as menores preocupações políticas que atraíram uma onda de capital, especialmente dos Estados Unidos, os resultados fortes ajudaram o STOXX a atingir máximas de 21 meses nesta semana.

Os fundos de ações europeus tiveram fluxos recordes de entrada de capital na semana seguinte ao segundo turno da eleição presidencial francesa, com mais de 6 bilhões de dólares entrando na região, enquanto os fundos de ações dos EUA tiveram saídas de 2 bilhões de dólares, de acordo com o Citi e o EPFR Global.

"Os investidores dos EUA viram os dados econômicos, olham para o euro e vêem que é uma moeda subvalorizada, e começaram a transferir algum dinheiro dos EUA para a Europa", disse o diretor de ações globais da Jupiter, Stephen Mitchell, acrescentando os investidores norte-americanos estão sentindo 'fadiga' sobre seu mercado doméstico.

As novas atividades de fusão e aquisição em empresas de telecomunicações levou o setor a subir 2,4 por cento, para a máxima de 11 meses.

A United Internet subiu 14 por cento depois de dizer que planeja comprar uma participação majoritária no operador móvel Drillisch, num acordo que vai aumentar a concorrência no mercado de telecomunicações alemão.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,66 por cento, a 7.435 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,47 por cento, a 12.770 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,41 por cento, a 5.405 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,43 por cento, a 21.575 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,33 por cento, a 10.897 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,12 por cento, a 5.237 pontos.

Por Danilo Masoni

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below