26 de Maio de 2017 / às 20:33 / 3 meses atrás

Saída de presidente do BNDES não foi política, equipe econômica fica, diz fonte

Sede do BNDES no Rio de Janeiro 11/1/2017Nacho Doce

BRASÍLIA (Reuters) - A renúncia de Maria Silvia Bastos da presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) não teve motivações políticas, disse à Reuters uma fonte governamental familiarizada com o assunto, que também afirmou que a renúncia dela não sinaliza novas saídas de integrantes da equipe econômica do presidente Michel Temer.

Maria Silvia, que renunciou alegando razões pessoais nesta sexta-feira, lançou uma série de investigações em empréstimos concedidos pelo banco no passado por suspeitas de corrupção. A fonte, que falou sob condição de anonimato para que pudesse falar abertamente, disse que ela perdeu o comando do banco de fomento em meio a acusações de funcionários de que ela não defendia seus interesses.

Reportagem de Alonso Soto

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below