Preços caem após saída dos EUA de acordo climático

sexta-feira, 2 de junho de 2017 08:33 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O petróleo Brent caía abaixo dos 50 dólares o barril nesta sexta-feira, encaminhando-se para a segunda semana de perdas, por preocupações de que a decisão do presidente norte-americano, Donald Trump, de abandonar um acordo de clima possa desencadear mais atividade de exploração nos Estados Unidos, piorando um excedente global.

O petróleo Brent recuava mais de 2 por cento, a 49,51 dólares por barril, às 8h28 (horário de Brasília).

O barril dos Estados Unidos operava em queda de 2,3 por cento, 47,26 dólares por barril.

Os dois contratos estavam no caminho de perdas semanais de mais de 5 por cento.

A saída dos EUA de um histórico acordo climático selado em 2015 para combater mudanças climáticas foi condenada por aliados de Washington --e gerou temores de que a produção de petróleo nos EUA poderá crescer ainda mais rapidamente.

"Eu acho que veremos um Estados Unidos que está prestes a enlouquecer em termos de produção de combustíveis fósseis", disse Matt Stanley, um corretor de combustíveis na Freight Services International em Dubai, acrescentando que outros produtores poderiam fazer o mesmo. "Porque eles não aumentariam a produção quando produtores têm caminho aberto para fazer o que quiserem?"

(Por Libby George; reportagem adicional de Jane Chung)

 
Bomba de petróleo da Parsley Energy Inc. perto de Midland, no Estado do Texas
03/05/2017
REUTERS/Ernest Scheyder