3 de Junho de 2017 / às 16:57 / 4 meses atrás

Opep pode analisar novos cortes na produção de Petróleo, diz ministro saudita

MOSCOU (Reuters) - O ministro de Energia da Arábia Saudita, Khalid al-Falih afirmou neste sábado que podem ser necessários novos cortes na produção de petróleo, mas que a OPEP e outros grandes produtores irão analisar a situação do mercado em julho.

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo e outros países liderados pela Rússia concordaram na semana passada em estender o compromisso de limitar a produção de petróleo por outros nove meses, até março de 2018.

Um comitê estabelecido para monitorar os cortes deve se reunir em julho, na Rússia. Falih, que visitou Moscou esta semana, afirmou que no próximo mês o comitê poderá julgar se os cortes foram efetivos em segurar os preços internacionais do petróleo, que caíram pela metade nos últimos três anos.

“Temos que analisar o mercado e em julho poderemos ver que essas ações tiveram um grande impacto”, disse Falih, de acordo com a agência russa de notícias Tass. “Se por acaso concluirmos que é preciso fazer mais, faremos, inclusive com novos cortes na produção”.

Por Jack Stubbs e Vladimir Soldatkin

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below