São Martinho avalia que chuvas podem reduzir moagem de cana do centro-sul

segunda-feira, 5 de junho de 2017 16:15 BRT
 

(Reuters) - O grupo de açúcar e etanol São Martinho avalia que a moagem de cana na safra 2017/18 do centro-sul pode ser menor do que o esperado devido às chuvas acima da média, segundo o presidente-executivo Fabio Venturelli.

Venturelli disse durante evento em São Paulo que os dias de trabalho perdidos por conta das chuvas podem prolongar a colheita, limitando a moagem de toda a cana disponível.

A estimativa do executivo é que a produção de açúcar do centro-sul atingirá em 2017/18 "no máximo" 35 milhões de toneladas.

Segundo ele, não há motivos por trás da queda recente nos preços do açúcar, mas espera reação liderada pela compra comercial.

Venturelli ressaltou que os produtores brasileiros de açúcar permanecerão fora do mercado se os preços do açúcar ficarem em torno de 13 centavos de dólar por libra-peso, o que equivale aos seus custos de produção.

(Por Marcelo Teixeira)

 
Trator movimenta montes de bagaço de cana-de-açúcar em Valparaíso, no nordeste de São Paulo
18/09/2014
REUTERS/Paulo Whitaker