Moody's rebaixa classificação da Cemig e mantém perspectiva negativa

quarta-feira, 7 de junho de 2017 08:39 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A agência de classificação de riscos Moody's rebaixou a nota da elétrica Cemig e de suas subsidiárias de distribuição e geração e transmissão (Cemig D e Cemig GT) para "B2" em escala global e "Ba1.br" em escala nacional, ante "B1" e "Baa1.br" respectivamente, enquanto manteve como "negativa" a perspectiva para a companhia, segundo comunicado nesta quarta-feira.

A agência disse que a mudança reflete uma percepção de risco crescente quanto ao refinanciamento das dívidas da companhia, que tem elevados débitos com vencimento no curto prazo e liquidez limitada. A Moody's projetou que a geração de fluxo livre de caixa da Cemig deverá continuar negativa nos próximos 12 a 18 meses.

(Por Luciano Costa)