Câmara adia votação de projeto que tira limite a capital estrangeiro em aéreas

quarta-feira, 7 de junho de 2017 19:03 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - A Câmara dos Deputados adiou para a próxima semana a votação em plenário do projeto de lei do Executivo que retira os limites à participação do capital estrangeiro em companhias aéreas que operam no Brasil.

“O projeto não tem um texto maduro”, disse o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), ao anunciar o adiamento.

Segundo parlamentares ouvidos pela Reuters, ainda não há consenso para votar a matéria.

As empresas aéreas estrangeiras atualmente podem ter no máximo 20 por cento de participação com direito a voto em empresas brasileiras.

(Reportagem de Leonardo Goy)