14 de Julho de 2017 / às 21:08 / 3 meses atrás

Conselho da JBS autoriza renegociação de dívidas com bancos

SÃO PAULO (Reuters) - O Conselho de Administração da JBS autorizou acordo para estabilização e renegociação de dívidas do grupo de alimentos e proteína animal com bancos credores, informou a companhia em comunicado ao mercado nesta sexta-feira.

O acordo de “estabilização” da dívida foi aprovado para ser realizado com os bancos Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Bradesco, Santander Brasil, BNP Paribas Brasil, HSBC Brasil, Rabobank, Banco Mizuho do Brasil, Citibank, Industrial and Commercial Bank of China, Bank of China (NY), além do Deutsche Bank e com a Cargill.

Esse acordo prevê “a substituição das operações de dívida celebradas com os bancos ou prorrogação das parcelas de principal”, segundo ata da reunião realizada na sexta-feira passada.

Já um acordo de “renegociação” foi aprovado com o Itaú Unibanco, afirmou a JBS no documento sem dar mais detalhes.

A Reuters noticiou na quinta-feira que a JBS estava próxima de um acordo para o refinanciamento de dívidas bancárias no valor de 18 bilhões de reais que vencem dentro de um ano.

A JBS tinha até o final de março dívida líquida de 47,8 bilhões de reais e uma relação de dívida líquida sobre lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) de 4,2 vezes.

Por Sérgio Spagnuolo

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below