Ações asiáticas recuam diante de expectativa para dados chineses

segunda-feira, 22 de setembro de 2014 07:52 BRT
 

Por Lisa Twaronite

TÓQUIO (Reuters) - As ações asiáticas recuaram nesta segunda-feira com investidores aguardando dados que serão divulgados nesta semana que podem fornecer mais evidências de desaceleração na China.

O Índice de Gerente de Compras (PMI, na sigla em inglês) preliminar para a indústria da China, que será divulgado na terça-feira, pode vir abaixo do nível de 50, indicando contração na atividade.

"O efeito psicológico de uma leitura abaixo de 50 será significativo e consistente com a leva de dados chineses mais fracos das últimas semanas", disse o chefe de estratégia cambial para a Ásia-Pacífico do Barclays, Mitul Kotecha, em nota para clientes.

O ministro das Finanças da China, Lou Jiwei, afirmou no domingo que o país não vai alterar dramaticamente sua política econômica por causa de um único indicador econômico. As declarações foram dadas dias após muitos economistas terem reduzido as perspectivas de crescimento depois da última série de dados fracos.

Às 7h47 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 1,17 por cento. O índice japonês Nikkei recuou 0,7 por cento, após ter atingido seu maior nível de fechamento desde 2007 na sexta-feira e ter avançado 2,3 por cento na semana passada.

Investidores realizaram ganhos na peso-pesado Softbank após a listagem do Alibaba. A Softbank, que tem uma fatia de 32 por cento no Alibaba, disparou 30 por cento durante as últimas seis semanas em antecipação à listagem da companhia chinesa de comércio eletrônico na bolsa de valores de Nova York.