Mantega diz que governo fará superávit primário "possível" neste ano

quinta-feira, 2 de outubro de 2014 19:19 BRT
 

Por Brad Haynes

SÃO PAULO (Reuters) - O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse nesta quinta-feira que o governo federal fará neste ano o superávit primário possível dentro das condições econômicas atuais, indicando que possivelmente não cumprirá a meta anual.

"Na Fazenda estamos trabalhando para fazer o maior superavit fiscal possível dentro das condições neste ano", disse o ministro a jornalistas em São Paulo.

O governo central, composto pelo Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central, acumula superávit primário de 4,7 bilhões de reais até agosto, menos de 6 por cento da meta para 2014, de 80,774 bilhões de reais.

Mantega também disse que a economia brasileira, que entrou em recessão técnica no primeiro semestre, está em trajetória de recuperação, que será mantida no quarto trimestre.

O ministro citou que está havendo uma recuperação do crédito, que deve impulsionar as vendas de veículos.

(Por Brad Haynes)