Deutsche Bank será impulsionado no 3o tri por varejo e banco de investimento, dizem fontes

segunda-feira, 6 de outubro de 2014 07:59 BRT
 

FRANKFURT (Reuters) - O Deutsche Bank teve um bom desempenho no terceiro trimestre, especialmente na divisão de varejo e no banco de investimento, ajudando o banco a suportar o peso de encargos com questões jurídicas e regulamentares, afirmaram duas fontes financeiras familiarizadas com o assunto à Reuters.

O banco tem se posicionado como "o último homem de pé" da Europa em banco de investimento após rivais como o Barclays terem cortado operações.

"Dinheiro real está sendo ganho mais uma vez", disse uma das fontes. Ambas as fontes não quiseram ser identificadas porque não estavam autorizadas a falar com a imprensa.

O Deutsche Bank, que deve divulgar seus resultados trimestrais em 29 de outubro, se recusou a comentar nesta segunda-feira.

O maior banco da Alemanha está se esforçando para resolver uma série de investigações antes do final do ano, incluindo as que envolvem bônus norte-americanos garantidos por hipotecas e a tentativa de manipulação das taxas de juro de referência, disseram as fontes.

O Deutsche também pretende concluir negociações com autoridades norte-americanas antes do final do ano sobre relações com países inscritos em sua lista negra, como o Irã, disseram as fontes.

O resultado líquido do banco no trimestre será onerado por encargos de acordos legais e regulamentares, mas um melhor desempenho operacional irá ajudá-lo a arcar com esses custos, disseram as fontes.

(Por Kathrin Jones e Arno Schuetze)