Herbalife contrata ex-reguladora dos EUA para time de governança

segunda-feira, 6 de outubro de 2014 10:50 BRT
 

WASHINGTON (Reuters) - A Herbalife, empresa de produtos de controle de peso, bebidas energéticas e suplementos nutricionais que tem sido alvo de investigação por parte da Comissão Federal de Comércio (FTC, na sigla em inglês) dos Estados Unidos, bem como de outras agências, contratou uma ex-funcionária da FTC para o cargo de vice-presidente de governança.

A Herbalife divulgou a nomeação de Pamela Jones Harbour, que foi comissária da FTC entre 2003 a 2010, para o cargo de vice-presidente sênior. Ela será responsável pela equipe de governança da empresa de 300 membros e coordenará a governança global da companhia.

A Herbalife disse mais cedo neste ano que estava sendo investigada pela FTC depois de alegações de que era um esquema de pirâmide.

A Herbalife está sob fogo do bilionário investidor William Ackman, que foi o primeiro a afirmar que a empresa é um esquema de pirâmide. Seu fundo de hedge Pershing Square Capital Management, de 14,7 bilhões de dólares, revelou uma aposta a descoberto de 1 bilhão de dólares contra a Herbalife em dezembro de 2012.

A Herbalife rejeitou as alegações, e pediu que o regulador do mercado dos Estados Unidos, a Securities and Exchange Commission, investigasse se os vendedores a descoberto tinham manipulado ilegalmente o mercado.

(Por Diane Bartz)