Etanol hidratado acumula perdas de 7% na usina em SP em sequência negativa

segunda-feira, 6 de outubro de 2014 14:54 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - Os preços do etanol hidratado no Estado de São Paulo recuaram 7 por cento em pouco mais de um mês, desde que iniciaram uma sequência de baixas semanais consecutivas, com distribuidoras abastecidas e retraídas nos negócios, apontou o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) nesta segunda-feira.

O preço médio do etanol hidratado (usado nos carros flex) recuou 2 por cento somente na última semana, para 1,1457 real por litro (sem impostos) na usina, segundo o Indicador Cepea/Esalq.

Pelo lado da oferta, poucas usinas estiveram no mercado nos últimos dias, e as ativas acabaram cedendo a valores menores, disse o Cepea.

Algumas unidades, por necessidade de fazer caixa ou liberar espaço nos tanques, acabaram ofertando volumes um pouco maiores em setembro, pressionando as cotações.

O preço do etanol anidro (misturado à gasolina) caiu para 1,3181 real/litros na usina, baixa semanal de 1,4 por cento e de 2,66 por cento desde meados de setembro, quando iniciou uma sequência semanal negativa.

As baixas registradas na usina são repassadas com algumas semanas de atraso para os consumidores, nos casos em que esse repasse é feito.