Bovespa fecha com maior alta percentual em mais de 2 anos após 1º turno

segunda-feira, 6 de outubro de 2014 17:59 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa desacelerou os ganhos ao longo da segunda-feira, mas ainda assim fechou com o melhor desempenho em mais de dois anos, após o desempenho do candidato de oposição Aécio Neves (PSDB) no primeiro turno da eleição presidencial superar expectativas.

O Ibovespa encerrou com alta de 4,72 por cento, a 57.115 pontos, tendo alcançado 58.897 pontos no melhor momento do dia, com ganho de 8 por cento.

A alta registrada no fechamento foi igual ao ganho registrado em 27 de julho de 2012, que havia sido o maior avanço desde 9 de agosto de 2011.

O volume financeiro no pregão totalizou 14,4 bilhões de reais, bastante acima da média diária do ano, de 6,9 bilhões de reais.

Aécio garantiu vaga no segundo turno com mais facilidade do que as últimas pesquisas apontavam e ainda se aproximou da primeira colocada, a presidente Dilma Rousseff (PT), que tenta a reeleição, como em nenhum momento da campanha.

Dilma teve 41,6 por cento dos votos válidos e Aécio obteve 33,6 por cento.

"O ano de 2015 vai ser um ano de ajustes duro, ganhe quem ganhar", disse Will Lander, gestor sênior de fundos de investimentos da BlackRock, em Nova York.

De acordo com o profissional, o mercado se anima com o potencial de uma vitória de Aécio pois traz a expectativa de mudanças no manejo da economia, com menos intervenção, mais controle fiscal, entre outros fatores.

"O mercado se anima com o potencial de um crescimento melhor e uma vitória da presidente (Dilma Rousseff) indicaria para mais do mesmo do que vimos nos últimos quatro anos", acrescentou.   Continuação...