Controladora da Brookfield Incorporações marca data de leilão de OPA em 7/11

terça-feira, 7 de outubro de 2014 09:39 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Brookfield Brasil Participações divulgou nesta terça-feira o edital da oferta pública de aquisição (OPA) da sua subsidiária Brookfield Incorporações, com o leilão da operação marcado 7 de novembro na BM&FBovespa.

Com a oferta, a Brookfield Brasil Participações (BRB) vai tirar a incorporadora imobiliária do segmento Novo Mercado da BM&FBovespa, em uma operação que pode ter um giro financeiro de até 429,8 milhões de reais.

A OPA será por até 268.609.272 ações da Brookfield em circulação no mercado, que representam 46,64 por cento do capital da empresa, ao preço de 1,60 real por papel.

Segundo o prospecto, os titulares das ações deverão habilitar-se para o leilão a partir desta terça-feira até as 18h de 6 de novembro.

A BRB anunciou em fevereiro a intenção de realizar a OPA, na sequência de uma série de prejuízos trimestrais registrados pela Brookfield Incorporações, em meio a cancelamento de projetos e revisão de orçamentos.

As ações da companhia se valorizaram nos últimos meses, chegando perto do preço máximo de 1,60 que a BRB divulgou anteriormente que pagaria por papel, no âmbito da OPA. As ações acumulam alta de cerca de 30 por cento desde a véspera do anúncio da OPA até a segunda-feira, quando encerraram a sessão cotadas a 1,56 real.

(Por Marcela Ayres)