CVM abre nova investigação contra Petrobras

terça-feira, 21 de outubro de 2014 20:10 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) abriu na segunda-feira nova investigação contra a Petrobras, segundo informação publicada no site do regulador de mercado, que não detalha que tipo de apuração está sendo realizada.

"A autarquia não comenta casos específicos, inclusive para não afetar negativamente trabalhos de análise ou apuração que entenda necessários", disse a CVM em comunicado nesta terça-feira à Reuters.

O site da revista Época, por sua vez, noticiou que o processo foi instaurado pela CVM para apurar as denúncias de corrupção na Petrobras descobertas por meio à Operação Lava Jato, da Polícia Federal.

O objetivo seria descobrir como a empresa e seus acionistas foram prejudicados com os desvios, informou a publicação nesta terça-feira.

Procurada, a Petrobras não comentou imediatamente a informação.

O processo na CVM é o RJ-2014-12.184.

A Petrobras informou na última sexta-feira que já está estudando medidas jurídicas adequadas para ressarcimento dos danos sofridos pela estatal, conforme apontaram as investigações da Operação Lava Jato.

A Petrobras já afirmou à CVM que constituiu comissões internas para averiguar o caso e pediu à Justiça acesso ao conteúdo da delação premiada do ex-diretor da companhia, Paulo Roberto Costa, entre outras medidas.

(Por Aluísio Alves)