Lucro da Marcopolo cai 34,8% no 3o tri, a R$56,7 mi

segunda-feira, 10 de novembro de 2014 18:09 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O lucro líquido da fabricante de ônibus Marcopolo caiu mais de 30 por cento no terceiro trimestre, na comparação anual, pressionado por despesas financeiras maiores.

A empresa divulgou nesta segunda-feira lucro líquido de 56,7 milhões de reais entre julho e setembro, 34,8 por cento menor em relação aos 86,9 milhões de reais um ano antes.

"O resultado foi afetado pela maior despesa financeira decorrente das proteções cambiais sobre a carteira de pedidos para exportação. Esse impacto será revertido na margem bruta ou no resultado financeiro dependendo da variação cambial futura", disse a Marcopolo no relatório de resultados.

As despesas financeiras mais do que dobraram de um ano para outro e encerraram setembro em 74,7 milhões de reais.

A companhia disse que os resultados entre julho e agosto mostram evolução diante das dificuldades apresentadas no primeiro semestre, apesar dos desafios do mercado interno brasileiro e de uma programa de transformação de unidade na Austrália, que continuam pressionando seus números.

Do lado operacional, a receita líquida recuou 8 por cento ano a ano, a 898,7 milhões de reais. No Brasil, a receita foi de 633,8 milhões de reais, recuo de 9 por cento.

No terceiro tirmestre, a produção brasileira de ônibus atingiu 7.425 unidades, redução de 19,8 por cento em relação ao mesmo período de um ano antes. No acumulado do ano, o recuo foi de 16,7 por cento.

O Ebitda (sigla em inglês para lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) somou 85,9 milhões de reais no período, queda de 32,7 por cento na mesma base de comparação.

(Por Juliana Schincariol; Edição de Luciana Bruno)