Vale compensa baixa de Petrobras e Ibovespa fecha quase estável

sexta-feira, 14 de novembro de 2014 17:54 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O adiamento da divulgação do balanço da Petrobras e resultados corporativos ditaram o tom dos negócios na Bovespa nesta sexta-feira, mas o índice reduziu perdas no fim do pregão, com investidores à espera de uma definição sobre a futura equipe econômica do governo.

depois de ter chegado a cair 1,85 por cento no pior momento do dia, o Ibovespa fechou em baixa de 0,14 por cento, a 51.772 pontos. Na semana, perdeu 2,73 por cento. O giro financeiro da sessão foi de 6,4 bilhões de reais.

As ações da Petrobras recuaram quase 3 por cento, após a estatal confirmar temores do mercado de que não divulgaria seu balanço até esta sexta-feira. As ações já haviam caído forte na véspera, em meio a temores pelo adiamento do balanço.

A petroleira disse que pretende aprofundar as investigações sobre as denúncias de corrupção feitas pelo ex-diretor de Abastecimento da companhia, Paulo Roberto Costa, na operação Lava Jato da Polícia Federal e estima divulgar as informações contábeis até 12 de dezembro.

De todo modo, os papéis fecharam longe da mínima do pregão, quando recuaram 5,5 por cento.

Para o gerente de renda variável da H.Commcor, Ariovaldo Santos, investidores buscaram aproveitar os preços mais baixos dos papéis da petroleira e da Vale. "Com a alta do dólar nos últimos dias, os preços ficam mais baratos lá fora e as ações ficam mais atrativas", acrescentou.

Além disso, o mercado quis se proteger de eventuais notícias no fim de semana sobre a composição da equipe econômica do segundo mandato da presidente Dilma Rousseff. "Está bastante arriscado. De repente, com todo mundo com posições vendidas, pode aparecer alguma notícia sobre (uma eventual indicação) do (ex-presidente do Banco Central) Henrique Meirelles (para o Ministério da Fazenda). Então o mercado resolveu zerar posições", disse o analista Fernando Góes, da Clear Corretora.

As ações da Vale subiram mais de 2 por cento. Analistas do BTG Pactual afirmaram em relatório que as ações da mineradora ainda têm espaço para cair, caso o preço do minério de ferro recue para uma faixa de 65 e 70 dólares a tonelada, mas que no momento precisam de recuperação para se estabilizar.

Da temporada de balanços, as ações da construtora e incorporadora Rossi Residencial, do grupo mineiro de eletricidade Cemig e da Companhia Siderúrgica Nacional caíram com força após as companhias divulgarem seus resultados do terceiro trimestre.   Continuação...